quarta-feira, 9 de dezembro de 2009

terça-feira, 8 de dezembro de 2009

Gestar/Tamandaré Pernambuco

Relatório do 21º encontro do GESTAR II de Língua Portuguesa, TP2, unidade 05, realizado em 06 de novembro de 2009, na biblioteca da Escola Almirante no município de Tamandaré- PE formadora: Gênair Vitor Silva de Ataide

Iniciamos o encontro distribuindo a pauta em seguida fizemos a leitura. Damos as boas vindas aos professores cursistas e falamos da alegria em tê-los por algumas horas para trocarmos ideias e experiências sobre Língua Portuguesa. Em seguida realizamos a socialização da lição de casa. A maioria dos professores cursistas realizou a atividade da página 17, TP1, unidade 1 modificando as estratégias, levou para a sala de aula o gênero diálogo. Fizeram a leitura expressiva, mostrando para seus alunos a linguagem oral com sua entonação, espontaneidade e sobre a internalização da língua materna que acontece no momento de interação, mostraram o discurso direto e proporam atividade de produção sobre o discurso direto. Apenas um professor cursistas trabalhou a atividade na íntegra propondo aos alunos a dramatização da crônica: Retrato de velho de Carlos Drummond de Andrade mostrando para os alunos a variação linguística levando em conta a faixa etária de idade. E outro professor trabalhou a atividade da página 23, TP1, unidade 1, elaboração do “dicionário dos Jovens” para mostrar à variação linguística, as gírias e os dialetos usados sempre pelos jovens. Ainda dentro da atividade discutiram sobre as variações linguística geográficas, as diferenças dos vocábulos de região para região. Em seguida fizemos a reflexão: “Não se justifica tratar o ensino gramatical desarticulado das práticas de linguagem. E o caso, por exemplo, da gramática que, ensinada de forma descontextualizada, que só serve para ir bem na prova e passar de ano, há ou não necessidade de ensinar gramática. Mas essa é uma falsa questão: a questão verdadeira é o que, para que e como ensiná-la... (PCN Língua Portuguesa p.28). Após a discussão sobre o estudo gramatical fizemos a leitura compartilhada da carta da professora Maria Antonieta Antunes Cunha dirigida aos professores cursistas, citamos os objetivos: Caracterizar a gramática interna e o ensino produtivo; caracterizar a gramática descritiva e o ensino reflexivo; caracterizar a gramática normativa e o ensino prescritivo e logo abordamos o tema do encontro: Gramática: seus vários sentidos. Dando continuidade lemos a conversa transcrita entre uma criança de dois anos e nove meses, sua avó e sua babá. Atividade 2, TP2, Unidade 5. Fizemos uma discussão sobre como é fundamental no ensino-aprendizagem a consideração dessa gramática interna: o trabalho com a língua não só tem de partir dela, como tem de procurar ampliá-la. A primeira orientação do professor de Língua Portuguesa deve ser, portanto no sentido de criar as oportunidades para que os alunos ampliem cada vez mais seus usos da língua, nas mais variadas situações sociocomunicativas. Por isso sugerimos aos cursistas o trabalho em sala de aula com textos dos diversos gêneros, dos próprios alunos ou alheios, atividades de produção e de reorganização de textos, de transposição didática de dialetos e registros que são formas essenciais desse tipo de ensino-aprendizagem da língua chamado produtivo, que procura sobretudo desenvolver a competência do aluno. Em seguida passamos para o texto publicitário p. 19, TP 2, fizemos a observação das imagens, leitura e chegamos a que os usuários da língua a usa em diferentes situações específicas de comunicação. E aconselhamos os cursistas a fazerem uma reflexão sobre os usos das práticas discursivas que são também práticas sociais ou práticas culturais e sugerimos o trabalho de interpretação de textos e o de refacção de textos possibilitando aos alunos melhor expressão num determinado momento de comunicação. Em seguida falamos da gramática normativa ligada as regras de uso de norma culta da língua tem formas escritas e formas orais. E finalizamos o encontro dizendo para os professores cursistas que devemos trabalhar com a gramática contextualizada, ensinando o que é significativo para o aluno e todo ensino deve começar pelo texto, proporcionando-lhes diversas possibilidades de interação para que o aluno perceba que a língua é viva e dinâmica e que, a norma culta é apenas uma das variedades de língua materna.

Língua Portuguesa: Sugestão de sites

1.Atlas Lingüístico do Brasil
http://www.alib.ufba.br/programas.asp

2.corpus representativo da língua portuguesa no século XIX.
http://www.linguaportuguesajf.com.br/

3.Persée
http://www.persee.fr/
Site público com algumas das principais revistas francesas de linguística (todos os números e edições integrais)

4.Estudos Enunciativos da Linguagem

Site do grupo desenvolvido junto à UFRGS, e coordenado pelos professores Dr. Valdir
do Nascimento Flores e Dra. Carmem Luci da Costa Silva.

http://www6.ufrgs.br/eenunciativos/
5.O Projeto Vertentes do Português Rural do Estado da Bahia
http://www.vertentes.ufba.br/
6. Journal of Portuguese Linguistics
http://www.fl.ul.pt/revistas/JPL/JPLweb.htm
7.Site de Psicolingüística
http://www.fcsh.unl.pt/psicolinguistica/index.htm

8.Instituto Brasileiro de Fluência - IBF

Site: http://www.gagueira.org.br
9.Forma Livre
Blog de Lingüística

http://www.formalivre.com/


10.Biblioteca Virtual das Ciências da Linguagem no Brasil
http://www.labeurb.unicamp.br/bvclb/pages/home/lerPagina.bv?id=1


11.CAMINHOS DA LÍNGUA
Caminhos da Língua - o portal da língua brasileira

http://www.caminhosdalingua.com/


12.SOLETRAS
http://www.filologia.org.br/soletras/

SOLETRAS é a Revista do Departamento de Letras da Universidade do Estado do Rio de Janeiro, locado na Faculdade de Formação de Professores (Campus de São Gonçalo), nascida no segundo semestre do ano 2000, juntamente com a criação da Coordenação de Publicações e sua periodização é semestral, com o primeiro número a ser publicado até o final do primeiro período letivo do ano acadêmico da universidade (junho ou julho) e o segundo no final do segundo período (novembro ou dezembro).


13.Enduring VoicesSaving Disappearing Languages
Nearly 80 percent of the world's population speaks only one percent of its languages. When the last speaker of a language dies, the world loses the knowledge that was contained in that language. The goal of the Enduring Voices Project is to document endangered languages and prevent language extinction by identifying the most crucial areas where languages are endangered and embarking on expeditions to:

http://www.nationalgeographic.com/mission/enduringvoices/

14.Linguistics Calendar
http://www.ling.su.se/staff/parkvall/Calendar.html

15.SALA - Sociedade de Lingüística Aplicada
http://www.sala.org.br/site/index.php?option=com_frontpage&Itemid=1

16.Linguateca
O objectivo da Linguateca, um centro de recursos -- distribuído -- para o processamento computacional da língua portuguesa
http://www.linguateca.pt/

17.Observatório da Língua Portuguesa
O primeiro passo no processo de criação da CPLP foi dado em São Luís do Maranhão, em Novembro de 1989, por ocasião da realização do primeiro encontro dos Chefes de Estado e de Governo dos países de Língua Portuguesa - Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal e São Tomé e Príncipe -, a convite do Presidente brasileiro, José Sarney. Na reunião, decidiu-se criar o Instituto Internacional da Língua Portuguesa (IILP), que se ocupa da promoção e difusão do idioma comum da Comunidade.
http://www.observatoriolp.com/

18.Português do Brasil

http://www.portuguesdobrasil.net/

19.ReVEL
A Revista Virtual de Estudos da Linguagem - ReVEL - é uma publicação totalmente eletrônica (acessível exclusivamente através da Internet), sem fins lucrativos, que visa à divulgação do conhecimento científico acerca dos estudos lingüísticos, especialmente do Brasil. A ReVEL é a primeira revista de Lingüística exclusivamente on-line com periodicidade regular no Brasil.

http://www.revel.inf.br/

20.Language Bar
Blog gaúcho de Lingüística

http://languagebar.blogsome.com/

21.iLoveLanguages!

iLoveLanguages is a comprehensive catalog of language-related Internet resources. The more than 2400 links at iLoveLanguages have been hand-reviewed to bring you the best language links the Web has to offer. Whether you're looking for online language lessons, translating dictionaries, native literature, translation services, software, language schools, or just a little information on a language you've heard about, iLoveLanguages probably has something to suit your needs.


http://www.ilovelanguages.com/

Seguidores